Hoje, eu vi.

Remodelagem.

Um tempo que não nos falamos…

Eu, o locutor da história e você, que mal sabe se ela de fato existe.

Falando em tempo, alguém sabe me dizer o que ele significa?

Mesmo que minutos possam parecer anos e meses, décadas, a real medida de tempo sempre fica onde você pensa que gosta de estar e onde precisa estar.

Para as pessoas que estão infelizes no ponto onde pararam, mesmo os segundos podem devorar desde a ponta dos dedos até o último fio de cabelo.

Para aquelas felizes com o seu redor, poucos segundos ainda que fictícios podem parecer uma verdadeira eternidade, mesmo quando são apenas prelúdios de uma grande tormenta por vir.

Desde criança somos condicionados a olhar ao redor e julgar se estamos corretamente onde estamos e se nos encaixamos nele, de forma a fazer parte da harmonia.

Bem, desde a última vez que nos falamos, eu olho ao meu redor e todas as peças que não tinham ligação alguma começam a se remodelar e encaixar da forma como eu nunca imaginei que fossem acontecer. Sabe como resolvi nomear isto?

Perspectiva.

Desvie o olhar e vai ser engolido. Encare e tenha a chance de se integrar, ou desintegrar.

Para sempre seu, Transpectro.

Eu senti. · Eu vi · Hoje, eu vi. · XXX

Fez-se silêncio .

Dentre as melhores coisas que podemos almejar, a paz é de longe a mais cobiçada, mas também a menos recordada.

Difícil pedir pela paz que sequer conhecemos.

Para quem está com o coração em paz, mesmo que o mundo esteja sendo partido em dois a calma e a sabedoria reinam.

Para aqueles que têm paz, mesmo que os ventos da incerteza soprem fortemente, sempre há um lugar seguro onde se resguardar e depositar as mais inocentes esperanças.

Afasta o passado e abranda o futuro. 

Ah… quem nunca sonhou com a paz?

Mesmo  que ela não seja tão aconchegante  quanto o amor, nada nos impede de sonhar estar tão tranquilos, mesmo que seja para encarar o terrível nada.

Bem, sonhar nunca fez mal a ninguém…

Agir é que fez.

Para sempre seu, Transpetro.

Hoje, eu vi. · XXX

ARROGÂNCIA

Todo mundo sabe que para se chegar à uma amizade verdadeira, existem muitos degraus para se chegar no topo.

Mas o que alguns parecem não saber é que se você tenta trapacear pulando degraus pode acabar se desequilibrando e despencando lá de cima enquanto tenta.

Mas isso não parece importar muito para quem adora estar no chão,  chafurdando.

Bem, dizem que lama faz bem para a pele.

Eu senti. · Eu vi · Hoje, eu vi.

FORA DA CAIXA. 

Engraçado como você me vê. 

O menino sozinho com seu cabelo azulado,  óculos fundo de garrafa desesperado demais para ficar em casa escutando sua coletânea de Beatles,  agredindo com todas as forças o seu sorvete de baunilha e desejando alguém para amar,  rodeando e circulando pelas vias e lojas,  procurando amor por entre cada dvd e livros de filmes noir que sinceramente estão disponíveis há mais de cinco anos por algo que nem sabe qual é, denúncia a capa,  veja  veja, aquele garoto esquisito andando por aí,  sem rumo. 

Engraçado como eu sou. 

Dançando mentalmente enquanto passeia por entre as vias e lojas,  deslizando os olhos por qualquer cor destoante que seja,  desesperado para ser vítima do próprio ocio no qual gosta de estar,  escutando sua coletânea dos Beatles no iPod e sendo muito feliz (embora pouco melancólico),  bastante consigo,  que se ama e se curte,  MUITO BEM SIM E OPA,  OBRIGADO PELA SUPOSTA PREOCUPAÇÃO! 

Se o preço por ser diferente é a própria indiferença,  eu não tenho problemas em ser feliz ao lado dela e tomar um bom gole de Rum ao seu lado,  até o dia em que todos poderão notar a qualidade inexistente de suas informações precipitadas e porque não explanar, MEDÍOCRES. 

Você é um conjunto ou uma unidade?  

Se liga. 

Para sempre seu,  Transpectro. 

Eu senti. · Eu vi · Hoje, eu vi. · Vamos explorar · XXX

XXX- Vista seu Jeans.

Olá galera, quanto tempo! Falar sozinho tem seus lados positivos, como por exemplo se pegar observando para o velho arsenal da moda grotesco em casa e se comparar aos seus próprios trapos.

Imaginar tudo que está acontecendo ao nosso redor, como o mundo dá suas temíveis voltas e acaba derrubando quem achava saber de tudo, remando de seu majestoso barquinho de papel.

Algumas vezes nos pegamos encarando um jeans velho e obsoleto imaginando que devemos jogá-lo fora, assim como o nosso atual “eu fracassado e corrompido”, mas o importante é notar que ás vezes tudo que precisamos é de uma simples tintura e retoques, qual é? Um bom Jeans nunca sai de moda.

Se você se sente ultrapassado e corroído assim como esse teu jeans, nada que não possa ser customizado com um pouco de old rock e criatividade.

Para nós, jeans velhos prestes a ser descartados, vale lembrar que quanto mais antigo o material, mais forte e blindado se torna. Então, vamos vestir nossos passados e formas para seguir em frente, sem se importar com as falhas que nunca vão deixar de acontecer.

Rasgue, corroa, continue brilhando para tudo ao seu redor e se torne mais forte, como um bom e velho Jeans que extrai e atrai toda a beleza de seu armário para o espectador, mesmo tendo sido tão machucado.

Desde que haja uma essência, não há nenhum Jeans complicado que não possa mudar de cor denovo e denovo, pela eternidade de seus próprios atos.

Então pare de chorar, vista seu Jeans e vamos aproveitar a noite do lado de fora.

Para sempre seu, Transpectro.

Eu escuto · Eu senti. · Eu vi · Hoje, eu vi. · XXX

XXX-BANANA! 

Quando um macaco estiver desesperado demais para pensar,  dê-lhe uma banana? 

Se a inteligência de alguém ou o que nos diferencia dos animais é medida por saber diferenciar o certo e o errado do que eles fazem,  como deveríamos chamar alguém que tem a sabedoria necessária para ser diferente e age da mesma forma,  mesmo pensando diferente? 

Seja um primata consciente ou um macaco maldoso,  todos sabem ao que esse tipo de escolhas erradas levam:  

Perda Total. 

Para sempre seu,  Transpectro

Eu vi · Hoje, eu vi. · Recomendando · XXX

XXX- AQUELES NA CHUVA

Assim como a seca que vê a chuva,  alguns de nós têm a sorte ou o azar de sermos purificados.

Quando isso acontece leva o passado para longe,  aproxima o futuro agridoce que nem achávamos existir e acaba nos fazendo ver coisas que antes não fazíamos idéia. 

Assim como a chuva e para os que estão nela,  tão frios e arrependidos,  os ventos sopram,  dando o ar de sua presença cruel,  jogando alguns para fora de sua própria perspectiva e alcançando até mesmo aqueles que observam tudo de sua janela segura. 

Para aqueles que foram inundados pela dor e para aqueles cujos ventos levaram tudo,  erga a mão e ofereça um brinde: um brinde a nós,  perdedores desesperados na chuva.